Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

descobrelc

descobrelc

Venha descobrir a Serra do Gerês (fotos)

 

https://1.bp.blogspot.com/_72n6pffVw7A/TCEFDoxRnLI/AAAAAAAACO8/cuBR_YS_AH8/s1600/4.jpg

 

A Serra do Gerês é a segunda maior elevação de Portugal Continental. Tem no seu cume 1548 metros de altitude (Pico da Nevosa, na fronteira com a Galiza), segundo folha do Instituto Geográfico do Exército. Faz parte do sistema montanhoso da Peneda-Gerês

O maciço da serra do Gerês está incluído na área do Parque Nacional da Peneda-Gerês.

Nesta serra encontra-se o Alto do Borrageiro, com 1430 metros de altitude.

 

O Parque Nacional da Peneda-Gerês, é o único parque nacional de Portugal e situa-se no extremo nordeste do Minho, fazendo fronteira com a Galiza, abrangendo os distritos de Braga (concelho de Terras de Bouro), Viana do Castelo (concelho de Melgaço, Arcos de Valdevez e Ponte da Barca) e Vila Real (concelho de Montalegre) numa área total de cerca de 70 290 hectares.

É uma das maiores atracções naturais de Portugal, pela rara e impressionante beleza paisagística e pelo valor ecológico e variedade de fauna (veados, cavalos selvagens, lobos, aves de rapina) e flora (pinheiros, teixos, castanheiros, carvalhos e várias plantas medicinais). Estende-se desde a serra do Gerês, a Sul, passando pela serra da Peneda até a fronteira espanhola.

 

 

Paisagem

A natureza e orientação do relevo, as variações de altitude e as influências atlântica, mediterrânica e continental traduzem-se na variedade e riqueza do coberto vegetal: matos, carvalhais e pinhais, bosques de bétula ou vidoeiro, abundante vegetação bordejando as linhas de água, campos de cultivo e pastagens. As matas do Ramiscal, de Albergaria, do Cabril, todo o vale superior do rio Homem e a própria Serra do Gerês são um tipo de paisagem que dificilmente encontra em Portugal algo de comparável.

 

O Lobo vagueia num dos seus raros territórios de abrigo. A Águia-real pontifica no vasto cortejo das aves. Micro-mamíferos vários, caso da Toupeira-de-água, diversidade de répteis e anfíbios e uma fauna ictiológica que inclui a Truta e o Salmão enriquecem o quadro zoológico.

 

 

 

 

Localização


 

Para chegar ao Gerês deverá dirigir-se em direção ao concelho de Terras de Bouro, na provincia do Minho. Terras de Bouro fica limitado ao norte pela Galiza, a Nordeste pelo Concelho de Ponte da Barca a Oeste pelo concelho de Vila Verde, a Sul pelo concelho de Amares, a Sudoeste, pelo concelho de Vieira do Minho e a Este, pelo Concelho de Montalegre.

 

mais informações

 

SUGESTÕES DE VISITA

 

 

 

Mata de Albergaria

 

A Mata de Albergaria é um dos mais importantes bosques do Parque Nacional da PenedaGerês (PNPG), constituída predominantemente por um carvalhal secular que inclui espécies características da fauna e da flora geresianas.

LER MAIS

 

 

Turismo Religioso

S. Bento da Porta Aberta


Sitiuado na freguesia de Rio Caldo, o Santuário de São Bento a Porta Aberta é desde há muitos anos, uma referência incontornável d avida do Concelho de Terras de Bouro.

 

 

Senhora da Abadia

 

Pela beleza natural e referência religiosa, o Santuário da Senhora da Abadia, em Santa Maria de Bouro concelho de Amares, tem as mais remotas origens, reportando-se aos primeiros tempos do cristianismo. Segundo a lenda, foi fundado por um fidalgo penitente a quem a Virgem apareceu numa gruta, no primeiro quartel do século XII. Tem um museu próprio, de arte sacra. De estilo barroco, esta igreja do século XVIII, possui torres aparelhadas de granito e, entre elas, um pórtico de altar exterior. No interior, de talha dourada, sobressai a imagem da padroeira.

 

 

Turismo termal

A estância Termal é especialmente recomendada para o tratamento do Figado, Vesícula, Obesidade, Diabetes, Hipertensão Arterial, entre outros.

 

As termas do geresSituadas num vale frondoso; entre lagos e montanhas que constituem um ambiente paisagístico deslumbrante; bem no coração do Parque Nacional da Peneda-Gerês (reserva ecológica com cerca de 71.000 hectares).

 

 

Onde Ficar

Quinta do Agrinho - "A Quinta do Agrinho faz parte do grupo de empresas preocupadas e solidarizadas no cuidado do meio ambiente, na preservação e no respeito dos espaços naturais. Todas as nossas instalações estão focadas na minimização do impacto no meio natural."

 

"Inspirada na vegetação do luxuriante espectáculo montanhoso da serra do Gerês, a Quinta é um permanente convite para um fim-de-semana em família ou para umas férias tranquilas, onde o bom acolhimento, o conforto e a animação não são deixados ao acaso."

 

Clique aqui para fechar...

Clique aqui para fechar...

Clique aqui para fechar...

link: http://www.agrinho.com

Fotos

Serra do Gerês - 52.5 kblink http://www.youngreporters.org/article-imprim.php3?id_article=736

 

 

 

 

Serra do Gerês
link:_http://rvanhegelsom.picturepush.com/album/62889/2046114/Serra-do-Ger%C3%AAs-%3A-Portela-do-Homem---Minas-dos-Carris/vaca-barros%C3%A3.html#column2::/album/62889/detail/2046138

mais fotos: http://umpardebotas.blogs.sapo.pt/523679.html?view=12106655

 

 

 

 

 

 

 

Links

 

http://www.serradogeres.com

http://pt.wikipedia.org/wiki/Parque_Nacional_da_Peneda-Ger%C3%AAs

http://geres.pt/

http://portal.icnb.pt/ICNPortal/vPT2007-AP-Geres/Homepage+Areas+Protegidas.htm

http://br.olhares.com/serra_do_geres_foto2381878.html

Inspirada na vegetação do luxuriante espectáculo montanhoso da serra do Gerês, a Quinta é um permanente convite para um fim-de-semana em família ou para umas férias tranquilas, onde o bom acolhimento, o conforto e a animação não são deixados ao acaso.

Descobre o Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina

O Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina fazem parte do concurso das 7 maravilhas de Portugal.

 

 

 

O Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina localiza-se no litoral sudoeste de Portugal, entre a ribeira da Junqueira em São Torpes e a praia de Burgau, com uma extensão de 110 km, numa área total de 74 414,89 hectares, correspondendo a área terrestre a 56 952,79 ha e a área marinha adjacente a 17 461,21 ha.

http://i48.photobucket.com/albums/f225/lchoupina/maparotaanem08.jpg

O Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina abrange o litoral sudoeste de Portugal Continental, no sul do litoral alentejano e no barlavento algarvio em redor do Cabo de São Vicente.

 

O clima é mediterrânico, mas com forte influência marítima. Os invernos são pouco frios e os verões são frescos.

 

A flora do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina distribui-se por três tipos de ambientes geomorfológicos:

  • barrocal ocidental, no planalto vicentino a sul, com vegetação típica de solos calcários, numa zona de clima seco e quente;
  • planalto litoral, com vegetação mais diversificada, nas dunas, charnecas e áreas alagadiças; é uma zona fresca e húmida;
  • serras litorais e barrancos, com densa vegetação arbórea e arbustiva típica das zonas húmida das ribeiras.

Ao longo do parque ocorre uma mistura de vegetação mediterrânica, norte-atlântica e africana, com predominância para a primeira. Há cerca de 750 espécies, das quais mais de 100 são endémicas, raras ou localizadas; 12 não existem em mais nenhum local do mundo. Na área do parque encontram-se espécies consideradas vulneráveis em Portugal, assim como também diversas espécies protegidas na Europa.

 

 

 

Actividades

 

As actividades são imensas clique aqui para descobrir algumas

 

Restaurantes :clique aqui

 

 

Sargo GrelhadoO Josué
Junto a Almograve, a meio caminho entre V.N. Milfontes e o Cabo Sardão, o 'Josué' é paragem obrigatória para os apreciadores de marisco, mas também o peixe...
Tasca do Bernardo

 

 

 

Tasca do Bernardo
A Tasca do Bernardo, poucos quilómetros a sul de Odemira, é inteiramente dedicada a quem gosta de boa comida regional.

 

 

 

Mais restaurantes

 

 

Alojamento clique aqui

http://www.casasbrancas.pt

 

 

 

As praias da Costa Vicentina

As praias da Costa Vicentina na costa oeste Algarvia são menos frequentadas, mas muito procuradas pelos amantes da natureza, surfistas e body boarders.

 

conheça as praias (clique aqui)

fotos:

 

http://static.panoramio.com/photos/original/10890467.jpg

 

 

 

 

 



 

 

 

mais fotos

 

links :


http://pt.wikipedia.org/wiki/Parque_Natural_do_Sudoeste_Alentejano_e_Costa_Vicentina

 

http://www.casasbrancas.pt

 

 

http://www.algarve-portal.com/pt/country/landscapes/ria_formosa/

 

 

 

 

outros links

 

http://musicforamile.wordpress.com/2009/03/05/sagres/