Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

descobrelc

descobrelc

  • Cultura   Música   Lisboa    Porto   Grátis   Agenda  Setembro

  • New York Times dá destaque ao Algarve num roteiro menos turístico

     

     

     

     

     

    O New York Times, um dos jornais de referência mundial, publicou este mês na secção de viagens um longo artigo sobre Tavira, Silves, Praia da Rocha e a aldeia de Pedralva, em Vila do Bispo.
    O autor da reportagem veio à procura de um outro Algarve, menos turístico, e garante que Portugal só não é mais visitado por norte-americanos por falta de promoção adequada.

     

     

    http://sicnoticias.sapo.pt

    New York Times dá destaque ao Algarve num roteiro menos turístico

     

     

     

     

     

    O New York Times, um dos jornais de referência mundial, publicou este mês na secção de viagens um longo artigo sobre Tavira, Silves, Praia da Rocha e a aldeia de Pedralva, em Vila do Bispo.
    O autor da reportagem veio à procura de um outro Algarve, menos turístico, e garante que Portugal só não é mais visitado por norte-americanos por falta de promoção adequada.

     

     

    http://sicnoticias.sapo.pt

    Aulas do Yoga animam AGOSTO em Vila do Conde

     

     

    Aulas do Yoga gratuitas e ao ar livre no Parque de Jogos e no Centro de Memória de Vila do Conde vão animar o mês de Agosto na cidade, durante todas as quartas-feiras, às 10h30.  A organização é da Câmara Municipal de Vila do Conde e do Áshrama Casa da Luz – Centro do Yoga Sámkhya de Vila do Conde.
     

    Yoga-imagens_noticias_interior


    Nestas aulas os participantes poderão aproveitar para pôr em prática esta filosofia tão completa e antiga que é o Yoga, com impacto positivo no ser humano, não só a nível físico como mental, energético e emocional. Desta forma poderão "carregar as baterias" e prepararem-se melhor para o arranque no ano em Setembro.
     
    As aulas do Yoga que decorrem no Parque de Jogos estão inseridas na iniciativa Atividade Desportiva no Parque de Jogos - da responsabilidade da Câmara Municipal de Vila do Conde.
     
    A participação é livre e gratuita.
     
    Datas e locais das aulas do Yoga (sempre às 10h30):
    Dia 1 - Parque de Jogos
    Dia 8  - Centro de Memória
    Dia 15  - Centro de Memória
    Dia 22 - Parque de Jogos
    Dia 29  - Centro de Memória



    fonte: http://www.cm-viladoconde.pt/PageGen.aspx?WMCM_PaginaId=27647&noticiaId=56307&pastaNoticiasReqId=27569

    Praia da Ursa um paraíso para descobrir.

     

    A praia da Ursa, situada no Parque Natural de Sintra-Cascais, é acessível a partir da N 247, seguindo-se pela N 247-4 no sentido do Cabo da Roca, a ponta mais ocidental do continente europeu. O estacionamento pode fazer-se no terreno junto à placa que indica "URSA", ou mais à frente para quem possuir veículo TT. A descida até à praia é longa e um pouco difícil, mas recompensada pela beleza natural deslumbrante e selvagem da «Ursa». Calcule cerca de uma hora para a descida e leve roupa e calçado confortável. 
    A praia deve o seu nome à pedra enorme em forma de ursa, lado a lado com outra formação rochosa de nome Gigante. Com cerca de 50 metros de extensão, esta é uma praia muito bonita, mas que fica com pouco espaço na maré alta. Durante a maré baixa, é possível explorar as enseadas da Palaia, a Sul, frequentadas por apanhadores de percebes e, a norte, o Pesqueiro do Abrigo. 
    Devido às dificuldades de acesso, esta praia é muito procurada por nudistas.

     

    A praia da Ursa já tem um areal e como é relativamente conhecida e bonita, não é raro encontramos outros visitantes, especialmente nos meses mais quentes. É uma praia muito fotogénica que vale a pena explorar quer a norte, onde existe uma invulgar inclusão de calcário na encosta granítica, um arco na Pedra da Ursa, muitos calhaus e até uma pequena gruta, quer a sul, onde também existe uma zona rochosa muito interessante com poças de água na maré baixa. Aí na parte sul da praia, onde a areia acaba, existe um carreiro que sobe ao longo do vale na falésia e se pode fazer em cerca de vinte minutos, levando-nos de volta.

    Contudo, já não será possível contemplar todo o esplendor da “Pedra da Ursa”. No passado dia 23 de Abril de 2011, parte desta rocha desmoronou-se. Com a queda das rochas, a zona à esquerda da antiga escada de corda ficou danificada pelo que se aconselha alguma prudência durante a visita à praia. 

     

     

     

    http://mynakation.wordpress.com/

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    links: http://www.guiadacidade.pt/pt/poi-praia-da-ursa-12349

     

             http://naturlink.sapo.pt/article.aspx?menuid=10&cid=39671&bl=1&section=2

     

    Dicas para planear ferias baratas...

     

    Muitas famílias têm um orçamento limitado, o que dificulta as escolhas nas férias. O ideal é poupar o máximo para pagar as despesas a pronto ou socorrer-se de meios de pagamento sem juros. Se, mesmo assim, não consegue reunir dinheiro para a viagem de sonho e pondera recorrer ao crédito, saiba todas as sugestões que foram divulgadas no site sobre economia  economico.sapo.pt.

     

    https://1.bp.blogspot.com/_ZedoPcI5fak/ST_bBMZ2VNI/AAAAAAAAALg/nUuj6MfgVfk/s320/Aspas.jpg

    Viajar com taxa zero
    Sobretudo na altura do Verão, as agências de viagens multiplicam-se em ofertas de pacotes de férias. Se encontrou o que procurava e a agência não cobra juros pelo pagamento em prestações, esta pode ser uma boa opção.

     ler mais

     

    Ideias a reter


    Férias baratas em seis dicas

    -Defina com antecedência um destino, o plano de viagem e o orçamento disponível.

    -Compare preços e procure promoções na Net. Consulte agências e sítios de viagens. Faça o mesmo para o crédito nas agências e nos bancos.

    Alguns sítios de viagens permitem comparar preços de várias companhias ao mesmo tempo: www.voosbaratos.pt ou www.rumbo.com, por exemplo.

    Ao comprar on-line, pode usufruir de taxas e de preços reduzidos.

    -Antes de optar pelo financiamento numa agência com taxa de 0% de juros, verifique se não está a pagar uma viagem mais cara.

    -Se possível, seja flexível nos horários e nas datas. As viagens ao fim-de-semana têm maior procura e são mais caras. O mesmo acontece nas épocas normais de férias: Carnaval, Páscoa, Verão e Natal. Se puder viajar em época baixa ou durante a semana, goza de opções mais em conta. Experimente dias e até horas diferentes. Um pacote de férias pode ser mais económico.

    -Se viajar de avião, compre passagens de ida e volta, com antecedência. Há boas ocasiões de última hora, mas uma reserva feita com a maior antecipação possível permite preços mais baixos.

    -Se recorrer ao crédito, use a TAEG como termo de comparação, pois reflecte o custo real do crédito. O simulador da Deco em www.deco. proteste.pt/taeg faz as contas.

     

    fonte

    PLITVICE LAKES (CROÁCIA)- o verdadeiro paraiso (fotos)

    https://1.bp.blogspot.com/_ZedoPcI5fak/ST_bBMZ2VNI/AAAAAAAAALg/nUuj6MfgVfk/s320/Aspas.jpg

     

    Uma das maiores atracções turísticas do país, o famoso Parque Nacional Plitvice Lakes (Plitvička jezera), na Croácia, desde 1979 integra a lista do Património Mundial da UNESCO devido à sua importância geológica e ecológica.

    Nos seus 30.000 hectares, montanhas de vegetação nativa abrigam 16 belos lagos de vários tamanhos ligados por cascatas.

    Devido à base calcária, a água dos lagos, que vem de numerosos riachos e córregos, são ricas em bicarbonato de cálcio, que é decomposto em carbonato de cálcio e se deposita com a ajuda de algas e musgos.

     

    Nos 22.000 hectares de densa floresta ao redor dos lagos vivem ursos, lobos e aves raras.

     

    Ler mais: http://internetparatodos.blogs.sapo.pt/549902.html#ixzz14b6N42Bn

     

     

    Lago Natureza Parque Croacia Plitvice lakes

     

    Lago Natureza Parque Croacia Plitvice lakes

     

    http://www.photo-paysage.com/displayimage.php?album=topn&cat=0&pos=1

    Lago Natureza Parque Croacia Plitvice lakes

    false false

    Lago Natureza Parque Croacia Plitvice lakes

     

     

    Lago Natureza Parque Croacia Plitvice lakes

    Visite a praia de Azibo, a praia mais “azul” da Europa

     

    A Albufeira do Azibo é um dos locais turísticos mais procurados no Nordeste Transmontano, pese embora, a nível nacional, ainda sejam poucos aqueles que conhecem este verdadeiro “oásis” nascido pela mão do homem num local que já foi uma espécie de “deserto”.

     

     

    A PPAA ocupa uma área de 3327,146 ha e está localizada, na sua quase totalidade, no Concelho de Macedo de Cavaleiros, abrangendo as freguesias de Vale da Porca, Santa Combinha, Podence, Salselas, Vale de Prados e Quintela de Lampaças do Concelho de Bragança. (ver o mapa)

     

     

    Conta com infra-estruturas de acesso a pessoas portadoras de deficiência e dispõe ainda de todos os equipamentos e serviços de apoio a veraneantes. Envolve-a a paisagem protegida da Albufeira do Azibo, tornando-a uma zona de rara beleza e enorme riqueza paisagística e biológica.

     

    Construída nos anos 70, a barragem foi pensada para suprir as carências de água do concelho macedense e para servir a agricultura, através da rega por gravidade para todo o vale de Macedo de Cavaleiros, Brinço, Cortiços e Chacim. Mas quando o empreendimento foi concluído, rapidamente as populações locais começaram a acorrer ao local, atraídas pelo enorme espelho de água.

     

    Com a criação das praias fluviais, a construção dos acessos, de um cais de embarcação e de um parque de merendas, a Albufeira tornou-se num sítio verdadeiramente atractivo e que convida ao descanso.

     

    Em volta do grande lago foram depositadas toneladas de areia e construídos equipamentos públicos para fruição e lazer. Vários nadadores-salvadores asseguram a segurança das praias, promovendo  as boas práticas e fornecendo conselhos e informações aos veraneantes.

     

    Como chegar:

    A Paisagem Protegida da Albufeira do Azibo (PPAA) está situada a 2 km da Cidade de Macedo de Cavaleiros e a 30 km de Bragança. O melhor acesso a Macedo de Cavaleiros é pelo IP4 e IP2, ou de avião através do aeródromo de Bragança.

    Onde Ficar

    O alojamento continua a ser uma lacuna que a autarquia pretende suprimir. Os visitantes podem ficar nas muitas unidades de turismo de habitação existentes no concelho bem como nas unidades de alojamento da cidade.

    O alargamento da oferta pode passar pela construção de um parque de campismo, uma infra-estrutura que poderá vir a ser construída por privados, desde que autorizada pelas entidades que gerem a Paisagem Protegida.

     

     

     

     

     

     

     

    links :

    http://noticias.sapo.pt/especial/verao_2010/2010/07/26/azibo_a_praia_mais_azul_da_eu/index.html

    http://www.azibo.org/intro.html

    http://br.olhares.com/albufeira_do_azibo_7_foto2134317.html

     

     

     

     

     

     

     

    Ferias «low-cost»

     

     

    O Verão está quase a chegar e se quer planear as suas férias com tempo e, sobretudo, numa lógica mais próxima do low cost, há alguns destinos dentro e fora de portas a ter em conta. A agência de viagens Top Atlântico fez a lista das «férias de primeira necessidade».

     

     

     

     

    Primeiro, e porque a crise teima em não fugir, para quem prefere ficar por cá, pode passar férias em Alvor desde 30 euros, na praia da Rocha por 14 euros ou na praia da Falésia por 50 euros. Quem quiser dar um salto até às ilhas portuguesas, umas férias na Madeira ficam por, pelo menos, 459 euros, no Porto Santo por 499 euros e na Ilha de S. Miguel desde 271 euros.

     

     

    ler noticia completa

     

     

    Descobre o Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina

    O Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina fazem parte do concurso das 7 maravilhas de Portugal.

     

     

     

    O Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina localiza-se no litoral sudoeste de Portugal, entre a ribeira da Junqueira em São Torpes e a praia de Burgau, com uma extensão de 110 km, numa área total de 74 414,89 hectares, correspondendo a área terrestre a 56 952,79 ha e a área marinha adjacente a 17 461,21 ha.

    http://i48.photobucket.com/albums/f225/lchoupina/maparotaanem08.jpg

    O Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina abrange o litoral sudoeste de Portugal Continental, no sul do litoral alentejano e no barlavento algarvio em redor do Cabo de São Vicente.

     

    O clima é mediterrânico, mas com forte influência marítima. Os invernos são pouco frios e os verões são frescos.

     

    A flora do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina distribui-se por três tipos de ambientes geomorfológicos:

    • barrocal ocidental, no planalto vicentino a sul, com vegetação típica de solos calcários, numa zona de clima seco e quente;
    • planalto litoral, com vegetação mais diversificada, nas dunas, charnecas e áreas alagadiças; é uma zona fresca e húmida;
    • serras litorais e barrancos, com densa vegetação arbórea e arbustiva típica das zonas húmida das ribeiras.

    Ao longo do parque ocorre uma mistura de vegetação mediterrânica, norte-atlântica e africana, com predominância para a primeira. Há cerca de 750 espécies, das quais mais de 100 são endémicas, raras ou localizadas; 12 não existem em mais nenhum local do mundo. Na área do parque encontram-se espécies consideradas vulneráveis em Portugal, assim como também diversas espécies protegidas na Europa.

     

     

     

    Actividades

     

    As actividades são imensas clique aqui para descobrir algumas

     

    Restaurantes :clique aqui

     

     

    Sargo GrelhadoO Josué
    Junto a Almograve, a meio caminho entre V.N. Milfontes e o Cabo Sardão, o 'Josué' é paragem obrigatória para os apreciadores de marisco, mas também o peixe...
    Tasca do Bernardo

     

     

     

    Tasca do Bernardo
    A Tasca do Bernardo, poucos quilómetros a sul de Odemira, é inteiramente dedicada a quem gosta de boa comida regional.

     

     

     

    Mais restaurantes

     

     

    Alojamento clique aqui

    http://www.casasbrancas.pt

     

     

     

    As praias da Costa Vicentina

    As praias da Costa Vicentina na costa oeste Algarvia são menos frequentadas, mas muito procuradas pelos amantes da natureza, surfistas e body boarders.

     

    conheça as praias (clique aqui)

    fotos:

     

    http://static.panoramio.com/photos/original/10890467.jpg

     

     

     

     

     



     

     

     

    mais fotos

     

    links :


    http://pt.wikipedia.org/wiki/Parque_Natural_do_Sudoeste_Alentejano_e_Costa_Vicentina

     

    http://www.casasbrancas.pt

     

     

    http://www.algarve-portal.com/pt/country/landscapes/ria_formosa/

     

     

     

     

    outros links

     

    http://musicforamile.wordpress.com/2009/03/05/sagres/

     

     

     

     

     

     

     

     

    Conhecer Lagos ...

     

    Brasão de Lagos Bandeira de Lagos

     

     

    O Concelho de Lagos tem uma área de 217,6 km quadrados distribuídos pelas freguesias de Barão de S. João, Bensafrim, Luz, Odiáxere e Santa Maria e S. Sebastião que compõem a cidade de Lagos.

     

     

    Historia

     

    Segundo a história mais recente, Lagos foi conquistada definitivamente aos mouros no ano de 1249 por D. Paio Peres Correia, sendo o ano de 1266 apontado como a data em que Lagos recebeu o primeiro foral, atribuído por D. Afonso III.

    No entanto, foi no reinado de Afonso IV que Lagos se afirmou, precisamente com a reconstrução das muralhas da praça e com a vinda para a cidade do governo militar do Algarve.

     

     

    Animação

    Alegria, momentos românticos, sabores da cozinha algarvia, dançar pela madrugada adentro numa discoteca, o som de espectáculos ao vivo na rua, saborear uma bebida num bar acolhedor com música ao vivo, são recordações que permanecem na memória dos turistas que nos visitam.

     Este é o ambiente das noites em Lagos, onde a animação é uma constante. O dia traz novas emoções: passeios a pé pelas bonitas encostas, passeios de barco às grutas, são algumas das atracções que animam jovens e adultos de todas as idades.

     

     

     

    Praias

    Lagos

    http://www.airportdirecttravel.co.uk/live/Destinationinformation/Europeandestinations/Algarve/LagosAlgarve/tabid/301/Default.aspx

     

    Lagos a Costa d'Oiro com rochas douradas recortadas nas falésias que mergulham em águas límpidas, quentes e calmas, onde se deleitam animais marinhos e moluscos, é de uma beleza indescritível.

    As praias de areia branca e de dunas envolventes convidam ao descanso e ao lazer.

     

     O mar e a baia são o palco ideal para os desportos e o lazer náuticos, tais como o windsurf, a canoagem, a vela, o mergulho e a pesca desportiva.

     Os passeios nos pequenos botes dos pescadores ou em barcos à vela são momentos inesquecíveis, em que se descobrem grutas misteriosas ou enseadas escondidas.

     

    ver o roteiro de praias 

    • Praia da Meia Praia
    • Praia da Batata
    • Praia dos Estudandes
    • Praia do Pinhão
    • Praia da Dona Ana
    • Praia do Camilo
    • Praia dos Pinheiros
    • Praia Grande
    • Praia da Ponta da Piedade
    • Praia do Barranco Martinho
    • Praia do Canavial
    • Praia do Porto de Mós
    • Praia da Luz

     

     

     

     

    lagos, algarve, portugal

     

     

    http://www.ilovealgarve.net/about-the-algarve/a-guide-to-lagos-algarve-portugal/

     

    Hoteis em lagos

     

    Lagos Restaurantes

    Sendo Lagos uma cidade ligada ao mar, escusado será dizer, que aqui se encontra o peixe mais fresco, e o marisco que satisfaz as delícias de qualquer visitante.

     

    links :

    http://www.tripadvisor.com.br/Restaurants-g189117-Lagos_Algarve.html

    http://www.lagosdigital.com/html/lagos-digital.html

     

    Mais links : http://lagospt.blogspot.com/