Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

descobrelc

descobrelc

Passagem de ano 2012.

 

Se ainda não sabe onde vai passar a passagem de ano, mas quer que seja diferente ou inesquecível o melhor è começar a procurar as propostas que vão estar disponíveis do norte a sul do país ou ilhas. 

 

Para o ajudar vou apresentar algumas das melhores sugestões e links onde poderá ver mais sugestões e promoções.

 

 

 

Algarve:

 

Programa: Passagem de ano 2011/2012 em Faro

 

O programa para a Passagem de ano em Faro, a partir de sexta-feira, de 30 dezembro à madrugada do primeiro dia de Janeiro 2012, no Jardim Manuel Bivar.

Dia 30 Dezembro
22:00 – Concerto com a banda “Nome”
23h30 – DJ MIKE FUENTEZ

Dia 31 Dezembro
22:30 – The Dixie Boys

Dia 1 Janeiro
00h00 – Fogo de Artifício
00h10 – The Stone Covers Band
02h00 – DJ JOSS A / DJ SWIC

Local:
Org.: Câmara Municipal de Faro / ANFARO

 

 

O Reveillon 2011-2012 não deve fugir à regra sendo esperada muita música e animação no Algarve com fantásticos espectáculos de fogo-de-artifício para dar as boas vindas a 2011.

Albufeira, Portimão, Lagos, Vilamoura, Carvoeiro, Olhão, Monte Gordo, Tavira e a capital de distrito Faro, vão brindar a sua população e visitantes com grandes espectáculos de música, animação e cor na Passagem de Ano. Se a sua opção para a despedida de 2010 e boas vindas a 2011 for o Algarve, então não perca mais tempo e garanta desde já a reserva no seu Hotel preferido, aqui ficam algumas sugestões para esta região de Portugal.
Alguns dos locais mais apetecíveis para festejar a noite de Reveillon 2012 algarvia são: Faro, Tavira, Portimão, Vilamoura, Albufeira, Quarteira, Monte Gordo, Carvoeiro, Lagos e Ohão. Além das festas públicas há os eventos nos casinos (Casino de Monte Gordo, Hotel casino Algarve e Casino de Vilamoura)e os jantares de Reveillon em vários hotéis.
Porto:
Serra da Estrela:
Passagem de Ano 2012 na Serra da Estrela é sempre uma das mais concorridas a nível nacional. Nota-se cada vez uma maior procura por destinos diferentes e por isso, a Serra da Estrela, em Portugal é única, pois pode oferecer neve aos seus visitantes.
Passar a passagem de ano fora de Portugal:

 

 

Como vê os locais onde pode festejar a passagem de ano 2012 são mesmo muitos, pode celebrar este dia na neve, nos trópicos, na sua aldeia ou cidade, ou em qualquer outro local do país ou no estrangeiro.

As ofertas são imensas e para todos os preços e gostos. Existem pacotes que incluem desde jantar, ceia, baile, dormida, entradas em discotecas ou bares, sessão de fogo-de-artificio, cruzeiro, entre outros.

 

http://www.ncoisas.com/passagem-de-ano-2012/

 

 

 

 

 

 

 

Links:

 

http://press.algarvecentral.net/?p=12282

http://www.vaviagens.com/Microsite/Microsite.aspx?channel=25BA3B1E-92A2-4F72-BB92-71797EE0633F

 

 

 

Visita a serra da estrela


Serra da Estrela

A Serra da Estrela é a maior elevação de Portugal Continental, e a segunda maior em território da República Portuguesa (apenas o Pico, nos Açores, a supera). Tem 1993 metros de altitude.

Nos Vales do Alvoco e Loriga, na encosta sudoeste da Estrela encontramos uma paisagem de vales encaixados numa zona de contacto entre xisto e granito. O clima mais ameno devido a sua exposição solar, permitiu ao homem serrano construir um admirável conjunto de terraços, permitindo a agricultura em terreno de grande desnível.

O ponto mais alto, a Torre, situa-se no concelho de Seia, distrito da Guarda. No concelho vizinho da Covilhã, distrito de Castelo Branco, mais precisamente na freguesia de Cortes do Meio, está situada a única estância de esqui de Portugal, Penhas da Saúde, situada acima dos 1500 metros de altitude. As temperaturas mais baixas de Portugal são registradas no cume da Serra, com mínimas que já atingiram a marca de -20°C no Inverno.

Na Serra da Estrela podemos encontrar o cão Serra da Estrela e o Queijo da Serra.

                                             

http://serrasdeportugal.com.sapo.pt/serra_da_estrela.htm


LAPA.jpgLapa dos Dinheiros - Aldeia de montanha
A aldeia, situada no alto de um morro sobranceiro ao rio Alva, é habitada por gentes que mantêm uma forte ligação à montanha.   
 

sortelha1.jpgSORTELHA - anel de pedra
Vila fronteiriça de fundação medieval, com foral concedido em 1228, Sortelha só perderá este estatuto concelhio com a reorganização administrativa feita pelo estado liberal no séc. XIX.   
 

fragao.jpgO Miradouro do Fragão do Corvo
Percorri o caminho sinuoso com o olhar atento às minudências da flora da Serra da Estrela, na esperança de descobrir a tal planta de cinco pétalas que simboliza hoje a cidade de Seia.   
 



Percursos 

pedestres1.jpgPercursos pedestres na Serra da Estrela
A região da Serra da Estrela é hoje uma referência incontornável no turismo de natureza e de culturas nacionais.







Turismo cultural 




castelo_castrodrigoicon.jpgCastelo de Castelo Rodrigo
O assento primitivo desta fortaleza ficaría, supostamente, no cume da serra da Marofa e é de presumir que à chegada dos romanos constituísse um oppidum lusitano defendido por um poderoso castro com cidadela e muralhas torreadas. 



floraicon.jpgFauna e Flora da Serra da Estrela
A Serra da Estrela apresenta-se como ponto de confluência de climas com características marcadamente diferentes. Assim, enquanto a Sul se faz sentir ainda uma forte influência mediterrânea, a Leste a Norte é a rudeza do clima continental que impera.  



http://www.portalserradaestrela.com















Queijo da Serra


E
ste queijo é cartão de visita da Serra da Estrela. Já ultrapassou fronteiras e É um queijo com história.

A área geográfica de produção contempla os concelhos de Celorico da Beira, Fornos de Algodres, Gouveia, Manteigas, Oliveira do Hospital, Seia e algumas freguesias dos concelhos da Covilhã, Guarda e Trancoso.

Columela, oficial do exército romano e nascido na Península Ibérica há cerca de 2 000 anos, descreve o fabrico deste queijo naquele que foi o primeiro tratado de agricultura conhecido e conforme referência no "Manual do Criador", Ano I, n.º 13, de Março de 1986. Na Idade Média, coube a Gil Vicente render-lhe homenagem. Mas os primeiros grandes trabalhos de investigação sobre o queijo da Serra da Estrela só começaram nos finais do Século XIX com Ferreira Lapa, Wenceslau da Silva e tantos outros.

Trata-se de um queijo produzido exclusivamente com leite de ovelha da raça Bordaleira, coalhado pela flor do cardo Cinara cardunculus L., planta espontânea característica da nossa Região que tem como finalidade coalhar a massa que dará origem ao Queijo da Serra. A coalha é posta no cincho, pressionada manualmente até esgotar todo o soro e maturada, durante nunca menos de trinta dias, em câmaras de cura com controlo de humidade e temperatura. Apresenta-se com a forma de cilindro baixo, abaulado lateralmente e na face superior, portanto sem bordos definidos [...].




Serra da Estrela - Espectaculo


Covilhã


Visita a serra da estrela